Palestra discute comunicação voltada para semiárido piauiense

Como podemos levantar a camisa, promover a bandeira, levantar discussões construtivas visando melhorar nossa região se desconhecemos o semiárido e as suas potencialidades? Esta é uma das reflexões propostas pela comunicadora Lana Krisna, durante a Caravana Comradio, que percorreu as cidades de Picos e Oeiras no dia 11 de dezembro. Em Oeiras, o evento que aconteceu no auditório do Hotel Entre Rios, às nove horas, falou sobre empreendedorismo na comunicação contextualizando com a região que os alunos vivem, o semiárido.

Durante a manhã de sexta-feira, a Coordenadora do curso de comunicação social da Faculdade R. Sá, Lana Krisna e o Consultor e Instrutor do SEBRAE, Maciel Lopes conversaram com os alunos sobre suas experiências de vida, os desafios para empreender no semiárido e a importância de observar as oportunidades que surgem na região.

Na oportunidade, Lana Krisna destacou a formação que o Instituto Comradio oferece aos comunicadores da região de Picos. “Todas essas discussões que a Comradio promove nas pessoas que participam do evento são produtivas e o resultado nós podemos enxergar hoje: comunicadores responsáveis e interessados no desenvolvimento regional. Eles já não pensam em apenas melhorar seus programas, melhorar os seus sites, a sua atuação profissional. Eles pensam em promover essa melhoria contextualizada com o desenvolvimento”, afirma a comunicadora.

O consultor do SEBRAE, Maciel Lopes, durante a palestra explicou aos alunos que qualquer pessoa pode começar a empreender. “Todos nós somos empreendedores. Quando nós vamos desenvolver algo, nós procuramos fazer nosso melhor. Ao fazer isso já estamos exercendo o empreendedorismo. Nós fazemos isso no dia-a-dia, quando prestamos um bom serviço aos amigos, por exemplo. Todos nós temos potencial, só é preciso acreditar”, afirma.

Por fim, o Coordenador do Projeto Jovens Radialistas, Jessé Barbosa, destacou a importância da formação dos comunicadores. “O mercado da comunicação é imenso, mas muitos profissionais têm dificuldade de enxerga-lo. Toda empresa precisa de um comunicador, os sindicatos, as associações. Então, é necessário que quem quer começar a empreender na área entenda dos processos comunicacionais e para isso, é importante continuar buscando aperfeiçoamento”, finaliza Jessé. 

Comente!